Oferta limitada!!!

KENT STATE: QUATRO MORTOS EM OHIO

R$134,90

R$132,00

2% OFF
2x de R$66,00 sem juros
3% de desconto pagando com Pix (Depósito em conta bancária - Caixa Econômica)
Entregas para o CEP:

Meios de envio

  • Itiban Comic Shop Av. Silva Jardim, 845, Curitiba - Atendimento de Segunda à Sexta das 10:00 às 18:00 e Sábados das 10:00 às 17:00
    Grátis
Devolução
Produtos com defeito* poderão ser devolvidos ou trocados mediante disponibilidade em até 07 (sete) dias úteis.

Sobre o quadrinho:

“Certamente a melhor graphic novel do ano e já garantida na futura lista das melhores da década.” – Forbes

Eleito um dos melhores livros do ano pelo The New York Times, pela NPR (National Public Radio) e pela revista Library Journal

Melhor graphic novel de 2020 na lista da Publishers Weekly

Vencedor do prêmio Eisner e do Ala/Yalsa Alex 2021

Seleção Oficial do Festival de Angoulême 2021

Prix Comics ACBD 2020

Seleção prêmio France Info de la bande dessinée d’actualité et de reportage 2021

Seleção prêmio Librairies de Bande Dessinée 2020

Seleção prêmio literário da revista Les Inrockuptibles 2020

 

Em 1970, os jovens norte-americanos acreditavam que poderiam mudar os Estados Unidos. A Guerra do Vietnã completava 15 anos, com centenas de milhares de mortos. Na segunda maior universidade do estado de Ohio, a Kent State, o mês de maio começou com uma série de protestos contra o conflito, que se espalharam pela cidade, atraindo a atenção das paranoicas forças armadas do governo Nixon, que viam infiltração comunista em cada flor no cabelo, em cada acorde de guitarra.

Nixon resolveu fazer, então, de Kent State um caso exemplar de repressão. No dia 4 de maio, quando os estudantes se preparavam para mais uma manifestação, soldados da Guarda Nacional simplesmente abriram um tiroteio contra os jovens, deixando nove feridos e quatro mortos.

O quadrinista Derf Backderf tinha 10 anos quando o massacre na Kent State aconteceu. Mas acompanhou tudo aquilo de perto. E agora, cinquenta anos depois, após muitas pesquisas e entrevistas, traz um detalhado e comovente retrato de um momento que ajudou a definir não apenas os Estados Unidos contemporâneo, mas muito do que foi o Ocidente desde então.

 

Frases de imprensa:

 

 “Profundamente pesquisado, comovente e angustiante.” – The New Yorker

“Tão apaixonado quanto meticuloso em sua narrativa a respeito do assassinato de quatro estudantes universitários em 4 de maio de 1970 pela Guarda Nacional de Ohio.” – The New York Times Book Review

“Uma das obras primas da história dos quadrinhos… um trabalho de devastador impacto emocional.” – Forbes

“Uma pesquisa meticulosa.” – Le Monde

“Magistral.” – Ouest France

“Uma história apaixonante.” – Le Croix

“Uma história em quadrinhos formidável.” – France Info

“Uma narrativa de tal rigor e precisão que imediatamente coloca ‘Kent State’ entre os grandes exemplos da tradição do jornalismo americano.” – Society

“Essa graphic novel tem muito a nos dizer sobre os tempos atuais.” – Scene

“Kent State: Quatro Mortos em Ohio é um feito extraordinário, o produto de um cartunista no auge de sua habilidade contando uma história que só ele poderia contar, e precisamente no momento em que essa história precisa ser contada.” – Solrad

“É uma história muito pesada. Eu me peguei tremendo enquanto virava as últimas páginas. Tinha lágrimas brotando quando tudo acabou. Esse livro é um lembrete de que a história se repete das piores maneiras. Como o medo, as mentiras e a desinformação podem levar as pessoas a tomar decisões terríveis.” – Razorcake

“O cuidado com a veracidade da narrativa é acompanhado de um desenho carregado de emoção e revolta contida.” – Le Monde Diplomatique

“Derf não para de colocar sal nas feridas da América.” – Les Inrockuptibles

“Puro trabalho de investigação.” – Brain

“Derf Backderf consegue combinar o ponto de vista literário, o domínio artístico e a busca pela verdade. Poucas obras têm tanta consistência.” – Zoo

“Uma pesquisa meticulosa, com mais de duas dúzias de páginas de notas.” – The Akron Beacon Journal

“Derf Backderf dá o contexto histórico e faz uma narrativa vertiginosa a respeito dos tiros em Kent State.” – Etelka Lehoczky

“O livro não apenas ilumina a história mas também faz uma espécie de encerramento para um episódio imperdoável, indesculpável.” – The Pittsburgh Post-Gazette

“É uma porrada emocional.” – WKSU

“Uma obra prima do quadrinho histórico.” – Please Kill Me

“Quatro jovens foram mortos em Ohio – Mas o vívido e evocativo livro de Backderf faz o esplêndido trabalho de manter a memória deles viva. Uma excelente graphic novel que reconta um momento dramático da história dos Estados Unidos.” – Kirkus

“Um corretivo incendiário para os mitos e equívocos que cercam esses eventos e um memorial às vidas perdidas.” – Library Journal

“Criada com maestria por Backderf, a crônica desse momento decisivo na história dos Estados Unidos serve como uma comovente elegia às vítimas. Os leitores também podem traçar paralelos preocupantes com as profundas divisões dos tempos contemporâneos, também perigosamente envoltos na desinformação.” – Publishers Weekly

“Backderf revisita a tragédia na Kent State para nos trazer lições e histórias não contadas, relevantes para os dias de hoje.” – Newsarama

“Impressionante detalhismo sociológico e histórico.” – Comics Beat

“É impressionante como Backderf entrelaça sua pesquisa neste livro. O leitor nunca é retirado da narrativa e dos momentos específicos de cada personagem. Recomendo muito este livro para quem quer saber o futuro da narrativa transmídia.” – Comics Grinder

“Kent State é uma pesquisa meticulosa… Backderf tem total controle artístico de seu material.”– Cleveland Review of Books

“Essa poderosa crônica de uma tragédia nacional tira o máximo proveito dos recursos da linguagem dos quadrinhos. Em Kent State, Derf Backderf constrói seu relato do massacre a partir de transcrições de entrevistas e reportagens, e ele desenterra detalhes que permanecem assustadores após cinco décadas. Os leitores que conseguirem suportar a intensidade desse livro encontrarão muito o que pensar.” – Common Sense

“O livro é inacreditável. O que talvez seja o mais impressionante é a seção de notas e material bibliográfico: Backderf fornece fontes e informações para cada imagem e página que desenha. É fascinante saber como é difícil encontrar a verdade dessa história, que é tudo menos árida.” – Citizen Reader

“Lançando luz sobre o massacre da Kent State University em 1970, Derf Backderf apresenta sua história em quadrinhos mais engajada e aproveita a oportunidade para fustigar um Tio Sam carrancudo com as mãos cheias de sangue.” – Benzine

“’Kent State’ é um livro maravilhoso que retrata o ambiente e as pessoas da época com um olhar firme e uma narrativa envolvente. É oportuno e comovente também, nos lembrando que, embora os detalhes específicos possam mudar, o que aconteceu em Kent State não foi o primeiro evento do tipo, nem o último.” – Multiversity Comics

“Um magistral documentário histórico sobre os anos 1970 e sobre o movimento contra a Guerra do Vietnã.” – Ciné Chronicle

“Um documentário impressionante.” – France Inter

“Uma notável pesquisa em forma de quadrinhos, na encruzilhada do jornalismo com a história.” – Guerres et Histoire

 

Sobre o autor:

John “Derf” Backderf nasceu em 1959, em Richfield, uma pequena cidade de Ohio, próxima de Kent. Chegou a cursar uma escola de arte, mas abandonou os estudos para trabalhar como lixeiro. No início dos anos 1980, ganhou uma bolsa para estudar jornalismo na Universidade de Ohio e começou a fazer cartuns para o jornal local. Com o diploma na mão, foi trabalhar de jornalista e cartunista em um jornal da Florida. Voltou para Ohio em 1986. Em 1990, iniciou a tira The City que acabou sendo sindicalizada para quase 200 jornais e revistas dos Estados Unidos. Fez parte da equipe do The Akron Beacon Journal que conquistou um prêmio Pulitzer em 1995. Em 2006, ganhou o prêmio Robert F. Kennedy por seus cartuns.

Em 2010, fez sua primeira graphic novel, Punk Rock & Mobile Homes. E em 2012 lançou Meu Amigo Dahmer (lançado no Brasil em 2017, pela Darkside), que fez ele se tornar um sucesso internacional. O livro recebeu vários prêmios, entre eles, dois Angoulême. Na sequência, 2015, veio mais um livro: Trashed, uma ficção baseada em sua experiência como lixeiro. E agora, Kent State, o livro para o qual se preparou para escrever desde os 10 anos de idade, quando via a Guarda Nacional acampada em um terreno na frente de sua escola e acompanhava todas as notícias sobre o massacre de estudantes, como entregador de jornal.

Atualmente, Backderf vive em Cleveland com sua esposa, Sheryl Harris, jornalista premiada com o Pulitzer, e seus dois filhos.

 

 

Detalhes da edição:

autor: Derf Backderf

editora: Veneta

tradução: Érico Assis

idioma: Português

comprimento: 28,00 cm

largura: 20,00 cm

páginas: 288

ano de lançamento: 2022

Capa dura

 

Compre e receba em casa

Entregas em Curitiba - Consulte via WhatsApp

Site seguro

Protegemos seus dados